Meu Pequeno

janeiro 29, 2016


Um dia nasceu a esperança.
E ela virou ternura...
Que cresce...cresce.
Ternura fantasiada de criança...
Inocência de um sorriso.
Entre abraços apertados e olhos esbugalhados a alma se acaricia...
Pouco a pouco o pote de farinha vai se esvaziando.
É a ternura alimentada que se transformou em amor puro...
Segredo de quem antes não imaginara magnânimo presente de Deus...
Pequeno frágil, mas único...
Cada dia ele surpreende a todos que param para vê-lo.
Assim também essas pessoas compreendem que ainda poderão observar mais e um dia ele crescerá...
Seu encanto  exala apreço pelo afeto que aumenta a cada instante e seu nome é escrito com letra escarlate na pronúncia da voz...
Ele veio pra transformar, não só duas vidas, mas várias...
Dádiva da vivência dos segundos...
Cada palavra nova...
Cada façanha descoberta em uma travessura...
Cada hematoma de um tombo...
Faz parte da vida, do aprendizado e de seu crescimento.
Um dia se tornará um adulto e responsável, para o mundo...
... mas para sempre ele será...
...O Meu Pequeno...

Você também pode gostar

0 Comentários

Like Us on Facebook

Youtube