Cacos de vidro

novembro 20, 2015


Era um vaso
Eram flores...
Uma moça...
Uma história...
O vaso caiu da janela...
As flores se espalharam pelo chão...
A moça chorou tanto,
Não conteve de emoção
Mas não tinha ninguém pra recolher seus cacos
Ela se feria
Enquanto um alguém também estava se cortando aos poucos, mas não sabia...
Ria o sofrimento em cavacos e pensava que não era o seu...
O vaso: a vida
As flores: seu amor
A queda: um equívoco
Este alguém que distraído empurrou o vaso da janela
Sem saber que nele floria sua própria felicidade
Mas um vaso quebrado nunca será inteiro, mesmo com remendos...
E o que restou?
Apenas cacos de vidro de um vaso de flor...

Você também pode gostar

0 Comentários

Like Us on Facebook

Youtube