Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban - J.K.Rowling

junho 19, 2015

Harry Potter e o Prisioneiro de Azkaban 
ISBN: 9788532512062
Editora: Rocco
Páginas: 320
Lançamento: 2000
Amazon - Submarino - Saraiva



No terceiro livro da Série Harry Potter, somos apresentados à Sirius Black - um prisioneiro que fugiu da prisão dos Bruxos Azkaban, coisa que nunca havia acontecido antes. Todos estão preocupados com Harry, já que Sirius era um seguidor de Voldemort e provavelmente fugiu da prisão para matar o garoto. O que Harry não sabe é que Sirius tem uma ligação com ele e isso pode influenciar no que Harry pensa dele.


Esse é o livro que mais gosto de toda a série. Talvez por ser o primeiro que li realmente e conheci a narrativa da autora, bom nunca saberei. Só sei que a partir desse livro os acontecimentos no mundo bruxo estão mais perigosos e sombrios. É quase uma transição de Harry sair da infância e entrar na adolescência.

Aqui ficamos sabendo o que aconteceu com os pais de Harry e como Voldemort os encontrou. E também uma quase reunião completa dos Marotos. Lupim, sem dúvida, é o meu professor de Defesa Contra as Artes das Trevas que mais gosto em toda a série. E comprova que no mundo dos bruxos também há preconceito.

Pra quem lembra, Sirius Black foi mencionado no primeiro livro quando Hagrid deixa Harry com Dumbledore na Rua dos Alfeneiros ainda bebê - a moto que Hagrid chega foi emprestada por Sirius. Mas é claro que não damos muita bola pra isso, mas aqui ele é o foco da história.

É legal percebermos como Harry nesse livro está um pouco mais maduro em relação as suas decisões. Ele está pensando um pouco mais nas consequências que elas podem trazer. E isso, nesse livro, fará toda a diferença no futuro que o aguarda. Sem dúvida, esse é a abertura para algo mais intenso que surgirá no decorrer da história e Harry está se preparando para enfrentar tudo o que vier. 

Você também pode gostar

0 Comentários

Like Us on Facebook

Youtube