Livro: A mulher de preto de Susan Hill

outubro 14, 2014

A mulher de preto 
ISBN: 9788501093493
Editora: Record
Páginas: 208
Lançamento: 2012
Amazon - Submarino - Saraiva - Book Depository


A mulher de preto foi como um achado para mim. Estava procurando livros de terror que me fizessem dormir com as luzes acessas e eis que me deparo com este em um belo dia.

Na véspera de natal, Arthur Kipps decido relatar o que aconteceu com ele quando era jovem e no início da carreira de advogado. Ele foi fazer um trabalho para a empresa onde trabalhava em uma cidade remota de uma cliente que havia morrido. O trabalho seria simples, arrumar todos os papéis de valor e levar para o escritório.

Depois de acompanhar o enterro da senhora, no qual teve poucas pessoas, ele vê uma mulher de preto que parece estar bem abatida, perguntando para o seu companheiro ao lado quem era a mulher, ele recebe um olhar de terror e não consegue tirar nenhum palavra do outro.

Ele é advertido por um grande proprietário de terras que está hospedado no mesmo lugar que ele, que ele teria algum problema em chegar na casa da falecida, já que ela morava em um lugar afastado da costa e cujo único caminho era por uma estreita faixa de terra e que se alagava com a maré alta. E ainda "emprestou" seu cão para lhe fazer uma companhia quando estivesse na casa.

Na Casa do Brejo da Enguia, os pesadelos de Arthur começam. Ele vê uma mulher andando ao redor da casa, escuta barulhos diversos e fica incomodado achando que está sendo observado. Sem contar que o cão também se comporta de maneira estranha muitas vezes.

No começo, Arthur, acha que a mulher de preto é apenas uma mulher normal que vive perto da casa onde está, mas depois que encontra cartas antigas, ele percebe quem ela é realmente. E é assustador.

Com pouco mais de duzentas páginas a história é cheia de suspense. É aquele suspense que incomoda ao ler, pois parece que alguém está te observando a toda hora. É uma história que mexe com os sentimentos e deixam os pelinhos do braço em pé. E eu fiquei com a história na cabeça por algum tempo, mesmo depois de concluída. Não é uma história que se esquece tão facilmente e dá pra perceber a angústia do personagem ao narrá-la. 

É um livro para quem gosta de histórias de terror e com certeza se tornou um dos meus queridinhos no gênero. Susan Hill conseguiu construir algo assustador e sem deixar nada solto. Recomendadíssimo. 



P.S.: O filme baseado no livro de 2012 dirigido por James Watkins e escrito por Jane Goldman que traz Daniel Radcliffe com o personagem principal também é muito bom. Embora eles tenham mudado muitas partes, ele traz a atmosfera pesada e o drama do personagem em enfrentar o desconhecido. Recomendo também.

Você também pode gostar

0 Comentários

Like Us on Facebook

Youtube