Antes que eu vá

dezembro 03, 2013


Ainda posso olhar o céu e contemplar as estrelas, antes que meus olhos cerrem.
Ainda posso ouvir o som da chuva nos telhados das casas, antes que meus ouvidos não codifiquem mais nenhum ruído...
Ainda posso sentir a água tocar meus pés e a areia entre meus dedos, antes que meu dia termine...
Ainda posso sentir o doce e distinguir o amargo, antes de perder a sensibilidade para o ácido...
Ainda posso sorrir mesmo não tendo graça, mostrar os meus dentes, antes que minha boca nunca mais se abra...
Ainda posso amar alguém mesmo que meu coração não aguente a euforia, antes que tudo se encerre.
Ainda posso pegar o lápis e riscar traços de um desenho, antes que eu não tenha forças para levantar o peso de minhas mãos.
Ainda posso pedir perdão, por tudo aquilo que fiz e deixei de fazer, antes que não haja mais oportunidade...
Ainda posso encantar alguém, mesmo que seja apenas por um dia, uma hora ou um segundo...
Ainda posso sussurrar pelos cantos e me fingir de morto, antes que isso seja verdade...
Ainda posso fazer algo, alguma coisa, mesmo que eu não saiba o porquê e para quê... Ainda posso...Muito antes...
Antes que eu vá...

Você também pode gostar

0 Comentários

Like Us on Facebook

Youtube